DestaqueSegurança

Cerração baixa e fumaça de secadores de café: preocupação nas estradas da região

A incidência de neblina nas estradas torna-se mais comum já nesta época do ano e deve se intensificar já na transição para o inverno. Em nossa região, outro fator chama a atenção para a falta de visibilidade: a fumaça dos secadores de café, utilizados neste período de colheita.

Para usuários das rodovias é necessário seguir algumas recomendações que ajudam a manter a segurança, mesmo nesse tipo de situação adversa.

Para uma viagem tranquila e sem intercorrências, o ideal é sempre planejar o deslocamento e evitar os horários sujeitos à neblina, geralmente no início da manhã. Nos casos de cerração intensa, caso a visibilidade esteja muito prejudicada, a melhor opção é parar em um local seguro e aguardar para seguir viagem.

A falta de distância segura do veículo da frente, que já é um dos principais problemas em dias normais, é ainda mais preocupante na neblina. A regra de manter espaço entre o veículo que segue à frente, nesses casos, é garantia de tempo para tomada de decisões para evitar as colisões traseiras. Motoristas inexperientes também tendem a querer parar sobre a faixa de rolamento, o que é perigoso e contraindicado. Caso seja necessário efetuar uma parada, o motorista precisa buscar locais seguros.

A manutenção em dia do veículo é outro fator importante, principalmente as condições do limpador de para-brisa, pneus, freios e o sistema de ventilação interna.

Comentários

Mostrar Mais

Artigos Relacionados